Olá, seja bem-vindo (a)!
Quinta-feira, 23 de Maio de 2019
NOTÍCIAS
01-07-2010 | 21:47
Material de construção segue desonerado
O governo prorrogou até o fim do ano o incentivo fiscal para materiais de construção, que acabaria em 30 de junho. A manutenção do desconto no Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) foi publicada no Diário Oficial da União.

O governo prorrogou até o fim do ano o incentivo fiscal para materiais de construção, que acabaria em 30 de junho. A manutenção do desconto no Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) foi publicada no Diário Oficial da União. Mantida a desoneração, a maioria dos materiais de construção continua com a alíquota zero e alguns itens pagam IPI com alíquotas de 2% e de 10%.

A extensão do benefício fiscal havia sido anunciada em abril.Por causa da medida, o governo deixará de arrecadar R$ 723 milhões no segundo semestre. Em 2010, a renúncia fiscal é estimada em R$ 1,409 bilhão. Isso porque a redução do IPI provocou perdas de receita estimadas em R$ 686 milhões nos seis primeiros meses do ano.

De acordo com o Ministério da Fazenda, a extensão do benefício fiscal foi necessária porque as obras têm ciclo longo e o desconto no IPI teria pouco efeito se as alíquotas voltassem ao normal. (Fonte: Agência Brasil)

 

Assessoria do Sinduscon

Telefone: 9245 1472

 

 

Sindicato das Indústrias da Construção do Estado de Mato Grosso - Sinduscon-MT
Avenida Historiador Rubens de Mendonça, 4.193, Centro Político Administrativo
Centro Sindical do Sistema FIEMT - Cuiabá-MT - CEP: 78049-940 - Tel.: (65) 3627-3020
Anuncie - Política de Privacidade
2014 -Todos os Direitos Reservados
V3 Agência Web